3 de jun de 2010

Levanta-te, vem para o meio ?

Eu não me conformo com o despreparo da igreja para receberem as pessoas com deficiência em seus eventos como missas por exemplo.
Fui levar minha esposa na igreja daqui de perto de casa ( Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro ) não porque hoje é um dia santo mais porque ela sempre vai a missa, a igreja estava lotada mais como sempre tinha um pessoal da chamada Pastoral da "acolhida" na porta que pelo nome imagina-se que tenha como uma das funções acolher os fiéis, pois bem, minha esposa desceu do carro, abriu sua bengala porque como já falei aqui no blog ela é cega e foi caminhando em sentido ao som da igreja.
Curiosamente ela passou exatamente no meio de duas senhoras uniformizadas que estavam na porta distribuindo uns envelopes marrons, as mesmas apenas olharam para a minha esposa talvez com dó ou com admiração mais nem se moveram.
A Gorete passou e alguns passos a diante ao esbarrar sua bengala em alguém teve que parar mesmo pra fora da igreja porque estava lotada.
Eu não me contive e de dentro do carro perguntei para aquelas senhoras:
_ Vocês não são da acolhida ?
_ Somos ( me respondeu uma delas )
_ Então porque vocês não perguntaram pra ela se precisa de ajuda ? Não sei se vocês perceberam mais ela é cega !
Uma mulher olhou pra outra e sem falar nada foram as duas ajudar a minha esposa, provavelmente a pegaram pelos braços e tentaram arrastar ela pra algum lugar.
Sei que as pessoas que ajudam na igreja não ganham nada com isso ( a não ser o reino dos céus ) e que muitas vezes são pessoas humildes que estão colaborando na casa do senhor.
Mais na minha opinião é uma irresponsabilidade dos lideres em não formar todos que trabalham nas igrejas para que tenham um mínimo de informação quanto a diversidade humana e a maneira de tratar o diferente.
É lamentável que na igreja onde todos pregam união, fraternidade, amor, fé, etc... as pessoas não se preocupam em se o irmão esta necessitando de uma ajuda ou não.
Hoje vou falar do atendimento ou da "acolhida" como queiram chamar, mais futuramente vou abordar aqui a questao da acessibilidade na igreja que não basta ficar de portas abertas, tem que ter pessoas preparadas para "acolher" e não ter barreiras arquitetônicas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar esta postagem.

Veja estas postagens.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...