30 de dez de 2011

Feliz 2012

Desejamos a todos que visitaram nosso blog, site e redes sociais durante o ano de 2011 um ótimo 2012 e que Deus esteja sempre presente nos lares de todos.

19 de dez de 2011

Se realmente sair do papel esta é uma ótima notícia as pessoas com deficiência.

Tomara que este projeto não seja apenas mais uma das ilusões criadas pelo Governo Federal.

Blog vai dar cadeira de rodas de prêmio.


Um presentão de Natal!

Meu povo, chegou a hora que muuuita gente estava esperando. Sim, o tio não vai abandonar ‘ceitudo’ no Natal e vai ter presente sim!!!!

Está lançado, a partir de agora (5/12), o concurso cultural “Papai Noel, não se esqueça do meu cavalo novo”! Uhrúúúú


O blog, juntamente com o patrocínio supimpa da Mobility Brasil e Otto Bock Brasil, vai dar para frase mais bacanuda, mais melhor de boa, mais ‘maraviwonderful’... tchanannnnnn... uma das melhores cadeiras de rodas do mundoooooooo! Convencido

                                                       


“Tio, pelamor, para de enrolar e fala qualé esse cavalo bão que o campeão ganhará?”

“Zente”, graças aos barões Rindo a toa da Mobility e da Otto Bock, o primeiro colocado vai levar para casa, em qualquer lugar do Brasil, sil, sil, uma “Blizzard” manual, uma bichona levinha, muito bonita, extremamente usual e moderna. Clica o bozo que eu mostro direitinho qual é. Brincalhão


A cadeira será feita conforme manda o figurino. O vencedor (ou vencedora, craro, crovis Bobo) irá repassar as medidas e a cor que prefere para a Mobility, que irá acertar a produção com a Otto Bock. A entrega vai depender do tempo em que as demandas técnicas forem resolvidas, mas é rápido!

Fico mais feliz que porco no lixo ao poder ser uma ponte de um presente tão valioso assim (é uma das cadeiras mais caras do mercado Muito feliz). Mas nããão é só isso! O segundo e o terceiro colocados também serão presenteados!!!!


O segundão leva para casa uma cadeira de banho “legalzuda” da Ortomix, modelo standard plus (olha na florzinha Sorte). O terceirão ganha uma banqueta de banho. Todo mundo vai ficar mais cheiroso que filho de barbeiro em 2012! Tonto

“Véio doido, como vai funcionar?”.

Seguinte: até o dia 20 de dezembro (é pouco tempo de inscrição), os concorrentes precisam mandar para o emailjairo.marques@grupofolha.com.br uma mensagem de felicitações de final de ano.

As mais originais e mais representativas para as marcas (o blog, a Mobility e a Otto Bock) levam os prêmios. Vocês podem enviar quantas frases quiserem, mas atenção: o título da mensagem precisa ser: “Papai Noel, não se esqueça do meu cavalo novo”.


Peço que vocês espalhem essa oportunidade para o maior número de pessoas. Tem muuuita gente que precisa de uma cadeira de rodas funcional e moderna para levar a vida e, agora, tem uma oportunidade bacana de ganhar.

Coloquem o link do post nas redes sociais, mandem para os amigos, vamos agitar meu povo!!!

Os jurados que vão escolher as melhores frases serão: a repórter fantástica Flávia Cintra, o meu querido leitor Thiago Pellizzaro, do Rio Grande do Sul, e eu, oficourse!

Vamos, resumidamente, às regras:

- Mande uma mensagem de Natal para o emailjairo.marques@grupofolha.com.br. Podem concorrer pessoas de todo o Brasil

- O título da mensagem precisa ser “Papai Noel, não se esqueça do meu cavalo novo” (emails sem esse assunto no título serão desconsiderados)

- Mande quantas mensagens quiser. Mas elas precisam chegar até a 23h59 do dia 20 de dezembro

- A melhor mensagem, escolhida pelo júri, ganha a cadeira de rodas modelo Blizzard, que será entregue pela Mobility Brasil, a segunda melhor, a cadeira de banho, a terceira melhor, uma banqueta de banho

- Qualquer pessoa pode concorrer, mas o prêmio só será entregue para um cadeirante, que precisa comprovar que será o verdadeiro dono do mimo. Assim, um andante poderá mandar frase, mas terá de presentear, caso seja o vencedor, o prêmio para um cadeirante.

Boa sorte a todos e borá já mandar suas frases!!!

Em tempo: Não há nenhuma vantagem financeira ou outra entre o blog e as empresas que patrocinaram o prêmio. Qualquer questão alheia às regras será solucionada pelo corpo de jurados do concurso.

16 de dez de 2011

SEMINÁRIO DOENÇAS RARAS E DEFICIÊNCIAS



SEMINÁRIO DOENÇAS RARAS E DEFICIÊNCIAS
INFORMAÇÃO, ACESSIBILIDADE E PREVENÇÃO DE DEFICIÊNCIAS
DATA 17/12/2011 DAS 9:30 ÀS 16:00
LOCAL: CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

15 de dez de 2011

Italianos criam scooter de três rodas para cadeirantes


A oficina italiana Hyper Division acaba de criar um produto destinado a deficientes físicos que perderam a 

mobilidade dos membros inferiores ou foram amputados. Utilizando como base o scooter Honda SH 125i, a empresa desenvolveu o HDX3-125i destinado a cadeirantes. Para obter este resultado, os italianos transformaram o scooter em triciclo e desenvolveram uma plataforma na qual a cadeira de rodas pode ser acomodada e travada, possibilitando ao deficiente conduzir o veículo apenas com as mãos.

Cadeira de rodas fica fixada na plataforma (Foto: Divulgação)Cadeira de rodas fica fixada na plataforma (Foto: Divulgação)
Para subir na rampa, o usuário faz uso de um controle remoto e sistema elétrico, garantindo total independência ao cadeirante. Equipado com transmissão automática, o acelerador do HDX3 fica no punho direito, enquanto o freio dianteiro está no manete direito e o traseiro no esquerdo, exatamente como em um scooter tradicional. Sua velocidade máxima é de 80 km/h e o peso a seco de 136 kg, segundo a fabricante.
Scooter tem plataforma para a cadeira de rodas (Foto: Divulgação)Scooter tem plataforma para a cadeira de rodas (Foto: Divulgação)
O HDX3 possui motor de 1 cilindro, 4 tempos, com refrigeração líquida e injeção eletrônica, que possibilita alcançar potência máxima de 10,1 cv a 9.000 rpm e 1,17 mkgf a 7.000 rpm. Para garantir a mobilidade, a empresa instalou marcha ré elétrica na HDX3. Ainda existe a opção de equipar o modelo com motor menor de 50 cm³. O preço dos produtos não foi divulgado pela empresa.
Para subir no scooter, usuário utiliza controle remoto que controla a plataforma (Foto: Divulgação)Para subir no scooter, usuário utiliza controle remoto que controla a plataforma (Foto: Divulgação)FONTE GLOBO.COM 

14 de dez de 2011

GRANDE ESTILO


Secretaria fecha o ano de 2011 em grande estilo: encerramento da Caravana da Inclusão e Premiação

Emprego, educação inclusiva, reabilitação e acessibilidade em calçadas são os temas dos projetos vencedores do Prêmio Ações Inclusivas Edição 2011.
Peruibe, Santo Andre, S.J.Rio Preto, S.J.dos Campos e Capital (SP) foram os grandes vencedores de 2011
A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência anunciou, em meio a um clima de muita alegria e emoção, o fechamento do calendário anual de suas ações em dois dos maiores eventos realizados pela Pasta, a Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania, em sua segunda edição, e o Prêmio Ações Inclusivas para Pessoas com Deficiência - Edição 2011. Ambos aconteceram no final da tarde e início da noite de 12 de dezembro, segunda-feira, na sede da Secretaria, em São Paulo.
Estiveram presentes autoridades e personalidades como a Secretária de Estado e o Secretário Adjunto dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Doutora Linamara Rizzo Battistella e Marco Antonio Pellegrini, respectivamente, o Presidente da UVESP Sebastião Misiara, a Deputada Estadual Célia Leão, o Presidente do Conselho Estadual para Assuntos da Pessoa com Deficiência (CEAPcD), Wanderlei Marques de Assis, o secretário adjunto da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, da capital, Antonino Grasso, e a prefeita de Lençóis Paulista, Bell Lorenzetti, entre outros.
A Secretária Doutora Linamara ressaltou sua alegria em finalizar o calendário de atividades da Secretaria, "foi uma alegria este ano, certamente em alguns momentos a gente para pra pensar e pensa como a vida vale a pena e este ano a vida valeu a pena em cada dia que passou. Valeu muito a pena".
A 2ª Caravana da Inclusão é parceria da Secretaria com a União dos Vereadores do Estado de São Paulo (Uvesp). Neste ano, percorreu dez regiões do Estado, promovendo palestras, debates e difundindo a cultura da inclusão e da acessibilidade no interior paulista.
Durante o encerramento da 2º Caravana da Inclusão foi apresentado vídeo sobre o evento com síntese que ocorreu ao longo deste ano. A emoção da Secretária Doutora Linamara foi um dos pontos marcantes da festa. "A gente termina a Caravana destacando como foi importante poder contar com a parceria de cada um dos senhores, como foi bom ver que ao invés de indignação nós tivemos também muita emoção. Certamente, os momentos de indignação foram muito menores que os momentos de emoção. São Paulo vem dando um exemplo concreto, ao país e até mesmo ao Exterior, de que é possível transformar a realidade das pessoas com deficiência, que hoje já são vistas como cidadãos produtivos e plenos de direitos."
Na ocasião, a Secretária Dra. Linamara recebeu a medalha comemorativa do Jubileu de Brilhante da Casa Militar do Gabinete do Governo, das mãos do Coronel PM e Secretário Chefe da Casa Militar, Ademir Gervasio. Essa homenagem é entregue para aquele que, por seus méritos e pelos serviços dignos de especial destaque prestados ao estado de São Paulo e ao seu povo, tenham de algum modo contribuído para engrandecimento da instituição e do espírito de liberdade e democracia. 
Na seqüência, os finalistas e vencedores do Prêmio Ações Inclusivas para Pessoas com Deficiência - Edição 2011 foram anunciados em clima de muita comemoração e alegria, com torcidas de várias cidades do interior paulista, que fizeram a animação e lotaram o auditório da Secretaria. O Prêmio tem como objetivo estimular a implementação de práticas inclusivas e aprimorar a gestão de políticas públicas, em especial na atuação com os municípios paulistas, com atenção voltada ao segmento das pessoas com deficiência, que soma mais de 9 milhões no Estado de São Paulo.
Participaram da seleção práticas inscritas por organizações públicas e privadas dos municípios paulistas no Observatório de Direitos da Pessoa com Deficiência durante o ano. Foram entregues certificados para 30 ações finalistas e dessas, foram premiadas as dez mais expressivas, segundo os critérios do Regulamento do Prêmio, sendo cinco governamentais e cinco não governamentais. (*confira ao final a lista dos finalistas e dos premiados)
Doutora Linamara ressaltou a importância de se premiar as ações do estado de São Paulo."Celebrar as premiações tem um significado imenso para nós porque ao premiar o parceiro da sociedade civil ou nosso colega da administração publica municipal, nós estamos escutando o eco do nosso trabalho, a garantia de que o conceito de proteção aos direitos humanos, de acesso aos bens e serviços da sociedade estão tendo uma reflexão, estão se cristalizando, estão virando uma realidade em todo o estado."

PREMIADOS

Emprego, educação inclusiva, reabilitação e acessibilidade em calçadas são os temas dos projetos vencedores do Prêmio Ações Inclusivas. As ações campeãs de 2011 são desenvolvidas na Capital e nas cidades de Peruíbe, Jaú, São José dos Campos e São José do Rio Preto.
Foram premiadas dez iniciativas - cinco governamentais e cinco não-governamentais - entre as 30 finalistas selecionadas. Participaram da seleção quase uma centena de organizações públicas e privadas do Estado de São Paulo. Uma Comissão de Seleção e uma Comissão de Jurados, com membros especialmente indicados pela Secretária Dra. Linamara, formados por profissionais, militantes e representantes de instituições de renomada atuação junto ao segmento das pessoas com deficiência, contribuíram de forma absolutamente significativa na avaliação de cada ação e apontamento das mais relevantes, segundo os critérios presentes no Regulamento do Prêmio.
Vencedor na categoria Ações Governamentais, o Programa de Atendimento em Itinerância do Setor de Educação Inclusiva da Rede Pública de Peruíbe promoveu melhor suporte aos professores das classes regulares para a efetiva implantação da educação inclusiva. Este apoio veio na maior oferta de recursos e materiais pedagógicos, mais tempo de contato entre o corpo docente e a equipe técnica de especialistas, na contratação de 90 estagiários para acompanhamento individualizado dos alunos e no atendimento integrado com os serviços de saúde.

Na mesma categoria foi premiado o programa Calçada Segura, da Prefeitura de São José dos Campos, que conscientiza moradores sobre a importância de tornar as calçadas acessíveis a todos. Técnicos visitam o local e explicam aos proprietários do imóvel os principais problemas detectados: inclinação, rachaduras, presença de raízes, entre outros obstáculos. O programa atende 2.400 pessoas/mês e já foram realizadas mais de 40 mil visitas.

Os outros finalistas foram o Grupo Asas (teatro inclusivo) da Prefeitura de Barueri; o Programa Municipal de Empregabilidade de Catanduva; e o projeto de Comunicação Inclusiva, que realiza atendimento em Libras a pacientes surdos do Hospital Mário Covas, em Santo André.
Na categoria Ações Não-Governamentais houve três vencedores. Em Jaú, o projeto Vida Iluminada oferece apoio pedagógico, aulas de reforço e atividades culturais a pessoas com deficiência visual, com objetivo de promover a inclusão educacional, social e no mercado de trabalho. Coordenado pela Associação Mulher Unimed de Jaú, atende atualmente 70 pessoas por mês, entre crianças, adolescentes e adultos.
Em São José do Rio Preto, a Associação Renascer mantém o projeto Oportunidades de A a Z, que propõe a capacitação e inclusão de pessoas com deficiência intelectual no trabalho formal, por meio de oficinas práticas de Secretariado, Informática, Padaria, Serigrafia e Atividades Básicas. Atualmente, há nove pessoas com deficiência intelectual inseridas no mercado de trabalho e há ainda 18 pessoas em atendimento.
Na Capital, também foi reconhecida a eficácia do Projeto Halliwick, atividade terapêutica na água que não visa exclusivamente à reabilitação física, mas devolver a autoconfiança à pessoa com deficiência. Os exercícios utilizam jogos, música e o atendimento é personalizado. No Brasil, o método é oferecido exclusivamente na Rede de Reabilitação Lucy Montoro, em São Paulo, e já beneficiou mais de 2 mil pessoas.
Os demais finalistas da categoria foram o Projeto de Inclusão Digital da Univem e APAE de Marília e o Projeto Ciranda, da Associação de Apoio à Criança com Deficiência Ortopédica de São José dos Campos.
Para coroar a festa houve apresentação da Camerata D'arcos, regida pelo maestro Paulo Cesar Paschoal, que apresentou canções clássicas que foram trilha sonora de filmes famosos, como "Por una Cabeza", de "Perfume de Mulher" e o tema de "O Poderoso Chefão", entre outros que fizeram a noite do dia 12/12 um momento inesquecível.
Durante todo o evento foram oferecidos recursos de acessibilidade como audiodescrição, estenotipia e intérprete de Libras.

HOMENAGEM

Durante a cerimônia, foi conferido o Prêmio "Personalidade do Ano" pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência às procuradoras do Ministério Público do Trabalho Adélia Augusto Domingues e Denise Lapolla de Paula Aguiar Andrade, pela atuação em defesa dos direitos das pessoas com deficiência ao emprego e pelo cumprimento da Lei de Cotas.


*Conheça os 30 finalistas
•1.  1ª Gincana Cultural - Biblioteca Louis Braille  do Centro Cultural São Paulo - São Paulo
•2.  A Inserção Educacional do Aluno com Disfagia - Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo
•3.  Acompanhamento Pedagógico Especializado - CAIS - Centro de Atenção à Inclusão Social - Secretaria Municipal de Educação de Diadema
•4.  Assessoria para Pessoa com Deficiência - Prefeitura Municipal de Araraquara,
•5.  Carnaval Paulistano: Só Não Vê Quem Não Quer - São Paulo Turismo S/A
•6.  Comunicação Inclusiva - Hospital Estadual Mario Covas - Santo André
•7.  Criança Visão Total - Associação Sorocabana de Atividades para Deficientes Visuais - ASAC - Sorocaba
•8.  Curso em Acessibilidade e Mobilidade Urbana - Departamento Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade - Prefeitura Municipal de Mogi Mirim
•9.  Espaço de Convivência - Alarde Associação Laranjalense da Pessoa com Deficiência - Laranjal Paulista
•10.  Grupo Asas - Teatro Inclusivo - Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência - Barueri
•11.  Inclusão, eu Faço! - SORRI - Bauru
•12.  Informática e Português para Deficiente Auditivo - Cecap-DA ( Centro de Capacitação Profissional e Apoio Pedagógico para Deficientes Auditivos de Cubatão e Região - Cubatão
•13.  Jornal, Programa e Site: Inclusão Brasil - Associação Desportiva dos Deficientes de Sorocaba
•14.  O Esporte ao Alcance de Todos - ACIDE - Associação Pela Cidadania das pessoas com Deficiência - Santo André
•15.  Oportunidades de A a Z - Renascer - Associação Renascer - São José do Rio Preto
•16.  Política de Educação Bilingue - Prefeitura Municipal de Guarujá
•17.  Programa Agente Superação - Prefeitura Municipal de São Caetano do Sul -  
•18.  Programa Clube Escolar Paraolímpico e a Iniciação a Pratica de Remo Adaptável em São Paulo - Clube de Regatas Bandeirante - São Paulo
•19.  Programa de Atendimento em Itinerância do Setor de Educação Inclusiva às Escolas da Rede Pública - Prefeitura Municipal da Estância Balneária de Peruíbe
•20.  Programa Municipal de Empregabilidade - Coordenadoria Municipal de Inclusão Social - Catanduva
•21.  Projeto Cidadania - Instituto Pró-Cidadania - São Paulo
•22.  Projeto Ciranda - Associação de Apoio à Criança com Deficiência Ortopédica - São José dos Campos
•23.  Projeto Halliwick - Associação Brasil Halliwick - São Paulo
•24.  Projeto Inclusão Digital - UNIVEM / APAE - Fundação de Ensino Eurípedes Soares da Rocha - Marília
•25.  Projeto Vida Iluminada - Associação Mulher UNIMED-Jaú - Jaú
•26.  Realocação de Deficientes Visuais - Hospital das Clínicas da FMUSP - Instituto de Radiologia - São Paulo
•27.  Redescobrindo a Fala - Secretaria Municipal de Saúde de São Vicente
•28.  Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Programa Calçada Segura - Prefeitura Municipal de São José dos Campos
•29.  Telelibras/ Mídia Acessível - Vez da Voz - Campinas
•30.  Transformando Cidadãos por Meio do Conhecimento - Instituto da Oportunidade Social - São Paulo

Vencedores do Prêmio Ações Inclusivas para Pessoas com Deficiência - Edição 2011

Ações Governamentais:

•1.  Programa Calçada Segura, de São José dos Campos
•2.  Programa de Atendimento em Itinerância do Setor de Educação Inclusiva às Escolas da Rede Pública, da Estância Balneária de Peruíbe
•3.  Grupo Asas - Teatro Inclusivo, de Barueri
•4.  Programa Municipal de Empregabilidade da Pessoa com Deficiência, de Catanduva
•5.   Comunicação Inclusiva, de Santo André

Ações Não-Governamentais:

•1.  Projeto Vida Iluminada, de Jaú
•2.   Projeto Inclusão Digital - UNIVEM / APAE de Marília
•3.   Oportunidades de A a Z - Renascer,  de São José do Rio Preto,
•4.   Projeto Halliwick, de São Paulo
•5.    Projeto Ciranda, de São José dos Campos
Os vencedores receberam troféus e placas de Menção Honrosa (aos 10 premiados) e Certificados de participação (aos 30 finalistas). Também tiveram suas práticas divulgadas em publicação distribuída na cerimônia de entrega do Prêmio, cuja versão acessível será publicada em breve no link "Publicações" na home do website da Secretaria 

10 de dez de 2011

Ofício-Circular sobre ENCONTRO REGIONAL DE CONSELHOS DOS DIREITOS DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA - REGIÃO SUDESTE

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA
SECRETARIA DE DIREITOS HUMANOS
SECRETARIA NACIONAL DE PROMOÇÃO DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA
CONSELHO NACIONAL DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA
SCS Quadra 09, Lote C, 8º andar, Ed. Parque Cidade Corporate, Torre A – Brasília/DF – CEP 70.308-200.  Tel: (61)2025-3673 ou 2025-9488 – Fax: (61) 2025-9967

Ofício-Circular nº 10/2011 - CONADE/SNPD/SDH/PR


Brasília, 23 de novembro de 2011

ENCONTRO REGIONAL DE CONSELHOS DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA: REGIÃO SUDESTE


O Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência – CONADE tem a satisfação de informar a Vossa Senhoria da realização do Encontro Regional de Conselhos dos Direitos da Pessoa com Deficiência: Região Sudeste, a ser realizado na cidade de Vitória-ES, nos dias 12 e 13 de dezembro de 2011.

O objetivo do Encontro é integrar os conselhos e articular as políticas e as ações de inclusão em nosso país, a partir da Convenção da ONU, a fim de discutir estratégias para acelerar o processo de inclusão das pessoas com deficiência. A representação de cada Estado ocorrerá da seguinte forma: 02 (dois) representantes por Conselho, respeitando a paridade entre Sociedade Civil e Governo.

Os participantes deverão enviar a ficha de inscrição, anexado a este Oficio-Circular, para o e-mail: encontroregiaosudeste@seastdh.es.gov.br. Lembramos da necessidade dos Conselhos Estaduais no sentido de mobilizar e providenciar, junto aos Conselhos Municipais, indicação de seus representantes. Cabe destacar que o custeio com hospedagem, alimentação e transporte será de responsabilidade de cada participante, com exceção dos cadeirantes, pois será garantido o traslado aeroporto/hotel/evento e vice versa. Segue em anexo também orientações em relação a hotéis, programação, contato de táxi acessível e outras informações necessárias relativo ao Encontro.

Não obstante as informações contidas neste documento, a Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos do Governo do Espírito Santo entrou em contato com os Estados dessa Região para tratar do mencionado assunto.

Qualquer dúvida, deixamos nossos contatos telefônicos para os devidos esclarecimentos. SUBDH/SEADH: (27) 3223-3401/3378; CONADE: (61) 2025-3673/9967.
                                              
Moisés Bauer Luiz
Presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência




LIGUEM NOS TELEFONES E TENHAM MAIS INFORMAÇÕES

6 de dez de 2011

ENCONTRO DE CONSELHOS ESTADUAIS

Conselhos Estaduais dos Direitos das Pessoas com Deficiência reúnem-se em Fortaleza PDF
Encontro_DeficinciaFortaleza sedia nos próximos dias 07, 08 e 09 de dezembro, o Encontro Nacional de Conselhos Estaduais dos Direitos da Pessoa com Deficiência: Participação e Controle Social das Políticas Públicas. A iniciativa do Governo do Estado, em parceria com o Cedef, objetiva fortalecer a articulação nacional entre os conselhos de direitos das pessoas com deficiência, discutir o envolvimento da sociedade na discussão das políticas públicas de atenção à pessoa com deficiência, reconhecendo os Conselhos Estaduais como espaços legítimos para esse debate.

O evento será aberto às 18 horas, no Hotel Oásis Atlântico (avenida Beira Mar), pela primeira dama do estado, Maria Célia Habib Moura Ferreira Gomes, coordenadora especial de Políticas Públicas para os Idosos e as Pessoas com Deficiência, Isabel Cristina de Pontes Lima e secretária de Justiça e Cidadania, Mariana Lobo Albuquerque. A mesa será composta, ainda, pelo secretário Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Antônio José Ferreira, o presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência no Ceará (Cedef), Fábio Araújo de Holanda e o presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Moisés Bauer Luiz.

No dia 07, a solenidade de abertura contará com a palestra magna: Plano Nacional dos Direitos das Pessoas com Deficiência – Viver sem Limites, apresentada pelo secretário Nacional de Promoção dos Direitos das Pessoas com Deficiência, Antonio José Ferreira.

Nos dias 08 e 09, acontece a Reunião entre os Conselhos Estaduais de Direitos da Pessoa com Deficiência, cuja ação objetiva o fortalecimento dos Conselhos e criação da Rede Nacional de Conselhos Estaduais.

Mais informações: (85) 3101-2870

CONSELHO ESTADUAL DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA DO CEARÁ – CEDEF ENCONTRO NACIONAL DE CONSELHOS ESTADUAIS DOS DIREITOS DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

Tema: Participação e Controle Social das Políticas Públicas

Data: 07.12.2011 (quarta-feira)
Local – Hotel Oásis Atlântico – Av. Beira Mar -  Meireles/ Fortaleza,Ceará.
16h às 17h30min - Credenciamento – Hotel Oásis Atlântico

Abertura Oficial do Encontro Nacional de Conselhos Estaduais
• Maria Célia Habib Moura Ferreira Gomes – Primeira Dama do Estado do Ceará
• Antônio José Ferreira – Secretário Nacional de Promoção dos Direitos das
Pessoas com Deficiência
• Moisés Bauer – Presidente do Conselho Nacional dos Direitos das Pessoas com
Deficiência
• Mariana Lobo Albuquerque – Secretária de Justiça e Cidadania do Estado do
Ceará
• Isabel Cristina de Pontes Lima – Coordenadora Especial de Políticas Públicas
para os Idosos e as Pessoas com Deficiência
• Fábio Araújo de Holanda – Presidente do Conselho Estadual do Ceará

Palestra Magna: Plano Nacional dos Direitos das Pessoas com Deficiência: Viver sem
Limites
18h30min - Palestrante: Antônio José Ferreira - Secretário Nacional de Promoção dos Direitos das
Pessoas com Deficiência
19h30min Coquetel e Apresentação Cultural

08.12.2011 – quinta-feira

8h30 às 10h Painel: O Papel dos Conselhos e o exercício do Controle Social
Painelista: Moisés Bauer – Presidente do Conselho Nacional dos Direitos das Pessoas
com Deficiência
Moderadores: Fábio Araújo de Holanda – Presidente do Conselho Estadual dos Direitos
da Pessoa com Deficiência do Ceará
Evangel Vale - Coordenador Nacional da Comissão de Articulação de Conselhos do
CONADE

10h às 12h30min Mesa-Redonda: Diálogo entre os conselhos Estaduais
Coordenador: Evangel Vale - Coordenador Nacional da Comissão de Articulação de Conselhos do CONADE

12h às 14h Almoço

14h às 15h30 Mesa - Redonda: Promoção, Controle Social e Garantia de Direitos
Coordenador: Moisés Bauer Luiz – Presidente do Conade

15h30 às 18h Apresentação de Trabalhos

9 de dezembro – sexta-feira

8h às 9h30 Plenária Propositiva

10h às 12h  - Apresentação das Sínteses dos Grupos de Discussão
Encerramento do Encontro

06.12.2011
Assessoria de Comunicação da Sejus
Bianca Felippsen ( ascom.sejus@gmail.com / 85 3101.2862 - 8878.8464)
www.sejus.ce.gov.br

1 de dez de 2011

Tatuagem no lugar certo, rs


Amputado desde jovem transforma extremidade de ombro com tattoo 3D

Norueguês Heine Braeck, 33 anos, tatuou um golfinho no ombro direito.
Ele perdeu o braço inteiro em acidente numa linha de trem.

Do G1, em São Paulo
18 comentários
Um norueguês que perdeu o braço direito em um acidente ainda na infância pensou em uma maneira criativa de modificar a extremidade do membro amputado.
Heine Braeck, de 33 anos, odiava a aparência da ponta de seu ombro direito, única parte mantida após um acidente em uma linha de trem quando ele ainda era criança. Isso até perceber que ela se assemelhava à cabeça de um golfinho.
Ele pediu que um artista norueguês transformasse seu ombro em uma tatuagem 3D. O tatuador Valio Ska conseguiu um resultado surpreendente, segundo mostrou o tabloide britânico "The Sun".
"Meus amigos acharam muito legal, e eu amei porque agora não preciso mais ficar olhando para este velho calombo", diz Heine.
Fotos mostrando apenas o ombro de Heine já haviam circulado na internet, porém sem o nome do tatuado nem confirmações de sua veracidade.
Heine Braeck, de 33 anos, modivicou seu braço amputado com uma tatuagem 3D (Foto: Reprodução/The Sun)Heine Braeck, de 33 anos, modificou seu braço amputado com uma tatuagem 3D (Foto: Reprodução/The Sun)
O acidente
O norueguês conta que, quando tinha 13 anos, tentou pegar um atalho por cima de um trem parado, mas que começou a se mover enquanto ele estava no topo.
"Perdi o equilíbrio e só consegui segurar no fio elétrico que ligava o trem, e me 'fritei'", lembra. Levado ao hospital após o choque, ele acabou tendo amputado o braço que segurou o cabo durante a queda.

30 de nov de 2011

Estive na homenagem e foi muito legal.

Campeões paulistas recebem homenagem do Governo de São Paulo

Formada por 83 atletas, seleção paraolímpica paulista conquistou 90 medalhas em Guadalajara
O governador Geraldo Alckmin e a secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Dra. Linamara Rizzo Battistella, prestaram uma homenagem aos paratletas paulistas nesta quarta-feira, 30. Todos os integrantes receberam o Diploma de Reconhecimento e os atletas medalhistas, a Medalha de Mérito Esportivo. A cerimônia de entrega contou, ainda, com a presença do presidente do Comitê Paraolímpico Brasileiro, Andrew Parsons, e o secretário municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, da capital, Marcos Belisário.
"O Brasil brilhou em Guadalajara, no Parapan, campeão e bicampeão agora. E 46% das medalhas são de atletas do Parapan de São Paulo. Um trabalho muito bonito de parceria que nós fizemos com a Secretaria dos Direitos da Pessoa da Deficiência e do Comitê Paraolímpico. Então ficamos muito felizes em receber aqui os nossos atletas do Parapan e de, em nome do povo de São Paulo, agradecer e homenageá-los", afirmou o governador.
Neste ano, representado por 223 paratletas, o Brasil venceu a competição com 197 medalhas, sendo 81 de ouro, 61 de prata e 55 de bronze. Deste total, 90 medalhas (46 ouros, 29 pratas e 15 bronzes) foram conquistadas pelos 83 paratletas paulistas.
A quarta edição dos Jogos Parapan-americanos aconteceu na cidade de Guadalajara, no México, entre os dias 12 e 20 de novembro. Na ocasião, os atletas disputaram 13 modalidades e algumas foram classificatórias para os Jogos Paraolímpicos de Londres 2012, como é o caso do basquete, goalball, halterofilismo, tênis de mesa e vôlei sentado. No tiro com arco e no tênis em cadeira de rodas, a pontuação no Parapan vale para o ranking internacional, classificatório para as Paraolimpíadas.
Este ano, o Estado passou a apoiar técnica e financeiramente 25 atletas de elite, formando o Time São Paulo Paraolímpico. Este grupo teve desempenho até acima do projetado no Parapan de Guadalajara, conquistando 41 medalhas, sendo 31 ouros, 8 pratas e 2 bronzes.

29 de nov de 2011

Medalhistas vão receber homenagem do Governo de São Paulo


Medalhistas dos Jogos Parapan-americanos recebem homenagem no Palácio do Governo, em São Paulo

Nesta quarta-feira, 30/11, os 47 atletas do Estado de São Paulo receberão medalhas do Mérito Esportivo das mãos do Governador do Estado, Geraldo Alckmin, da Secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Dra. Linamara Battistella, e do Presidente do Comitê Paraolímpico Brasileiro, Andrew Parsons.

17 de nov de 2011

Dilma se emociona ao lançar programa Viver Sem Limite

Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência articula e organiza ações já desenvolvidas no âmbito do governo federal 
Publicado em 17/11/2011, 15:55
Última atualização às 16:08
Dilma se emociona ao lançar programa Viver Sem Limite
As filhas de Romário e Lindberg Farias, que têm Síndrome de Down, emocionaram a presidenta (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)
São Paulo – A presidenta Dilma Rousseff participou nesta quinta-feira (17) do lançamento do Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, o Viver Sem Limite. Ela emocionou-se no início da cerimônia ao comentar as presenças das filhas do deputado federal Romário (PSB-RJ) e do senador Lindbergh Faria (PT-RJ), que são portadoras de Síndrome de Down.
Ela não conteve o choro ao fazer menção às presenças. A seguir, disse: "Estamos aqui para celebrar a coragem de viver sem limites. É incrível a força que há nas pessoas para vencer desafios e superar limites". "São brasileiros que podem realizar plenamente seus sonhos individuais, mas podem e devem ajudar a concretizar o nosso sonho coletivo", afirmou.
O programa articula e organiza ações promovidas por 15 órgãos do governo federal. Ao fazê-lo, a aposta é de que podem ser aprimoradas e fortalecidas as iniciativas de modo a eliminar barreiras e garantir inclusão social, autonomia e acesso da população com deficiência a bens e serviços. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 45,6 milhões de pessoas – ou 23,9% dos brasileiros – têm com algum tipo de deficiência.
O Viver Sem Limite tem previsão orçamentária de R$ 7,6 bilhões até 2014. A coordenação do programa cabe à Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. Há metas traçadas para o conjunto de ações também com prazo de 2014.
A articulação marca o programa. Por exemplo, no que tange à Acessibilidade, uma das ações é a construção de 1,2 milhão de moradias adaptáveis pelo programa Minha Casa, Minha Vida. Obras de mobilidade urbana para Copa do Mundo 2014 e Olimpíadas de 2016, bem como as do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) terão, obrigatoriamente, de ser adaptadas a pessoas com deficiências.
Em educação, um dos objetivos é levar de 229 mil para 378 mil o número de crianças e adolescentes nas salas de aula do país. Para cursos federais de formação profissional e tecnológica, a previsão é de 150 mil vagas para pessoas com deficiência. Isso vai exigir adequar prédios de escolas públicas e de instituições federais de ensino superior a condições mínimas de acessibilidade.
O governo promete incluir, no eixo Saúde, dois novos exames no teste do pezinho em recém-nascidos, de modo a verificar condições específicas mais precocemente. Para a reabilitação intelectual, física, visual e auditiva, serão implantados 45 centros de referência.
Com 660 novos profissionais de saúde em órteses e próteses até 2014, o objetivo é elevar em 20% o fornecimento desses equipamentos, especialmente os auxiliares à locomoção. O atendimento odontológico terá incremento de 20% nas verbas repassadas por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) para 420 centros.
O programa inclui ainda a possibilidade de um trabalhador com deficiência, caso perca o emprego, receber um Benefício de Prestação Continuada (BPC) e de uma bolsa de estudos para requalificação. Há metas de encaminhamento de 50 mil pessoas a postos de trabalho adaptados.

Veja estas postagens.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...